3/06/2007

FRANK ZAPPA

Frank Zappa - We're Only In It Of The Money - 1968 - [USA]


1968...O mundo mergulhado na pop/hippie/lisergia dos loucos anos ’60, o Flower Power nos olhos embaçados dos cabeludos de São Francisco e o Zappa solta o seu: “só estamos nessa pelo dinheiro” com direito a capa imitando Beatles, vocais à lá Jefferson Airplane e tudo mais...
Na verdade não um grito de rebeldia, este está mais para uma “mordida na carne do tornozelo” daqueles que acreditavam “chapados talvez” que com seus loucos cabelos, flores e o quase total desconhecimento da higiene pessoal iriam conseguir mudar alguma coisa no mundo. Este é talvez o disco mais “Zappa” de todos os outros. Destaques: “What the uglyest part of your body?”, “Absolutely free” e “ Take your clothes when your dance”.
Agradecemos ao “Zappa” por sugerir este belo álbum e comentários.

Tracks:
1. Are You Hung Up? (1:24)
2. Who Needs The Peace Corps? (2:34)
3. Concentration Moon (2:22)
4. Mom & Dad (2:16)
5. Telephone Conversation (0:48)
6. Bow Tie Daddy (0:33)
7. Harry, You're A Beast (1:21)
8. What's The Ugliest Part Of Your Body? (1:03)
9. Absolutley Free (3:24)
10. Flower Punk (3:03)
11. Hot Poop (0:23)
12. Nasal Retentive Calliope Music (2:02)
13. Let's Make The Water Turn Black (2:01)
14. The Idiot Bastard Son (3:18)
15. Lonely Little Girl (1:09)
16. Take Your Clothes Off When You Dance(1:32)
17. What's The Ugliest Part Of Your Body? (Reprise) (1:02)
18. Mother People (2:26)
19. The Chrome Plated Megaphone Of Destiny (6:25)

Line Up:

- Frank Zappa / vocals, guitar
- Roy Estrada / bass, vocals
- Don Preston / keyboards
- Jimmy Carl Black / drums, vocals
- Ian Underwood / winds, keyboards
- Euclid James `Motorhead` Sherwood / winds
- Billy Mundi / drums
- Bunk Gardner / winds


Marcadores:

2 Comentários:

At 6:38 PM, Anonymous Anônimo said...

Maybe the greatest album ever released by FZ. Good show!

 
o
At 2:12 PM, Blogger Miguel Silva said...

Um dos melhores discos de rock de sempre! Ninguém conseguiu reunir como Zappa o rock com a música clássica contemporânea de um modo tão perfeito. Obrigatório para todos os fãs de música progressiva.
Abraços.

 
o

Postar um comentário

<< IN͍CIO